PLP 2.0

Ferramenta para o combate a violência contra a mulher em conjunto com o poder público.

O aplicativo PLP 2.0 é um instrumento para auxiliar mulheres em situação de violência doméstica, familiar ou sexual. No Rio Grande do Sul, a THEMIS tem um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça do Estado e a Secretaria Estadual de Segurança Pública. Assim,  quando o dispositivo é disparado, ele aciona a Brigada Militar e as Promotoras Legais Populares da Região garantindo a segurança da mulher.

O projeto ganhou o Prêmio Desafio de Impacto Social Google 2014. É uma parceria da Conceptu, THEMIS Gênero e Justiça com o Geledés Instituto da Mulher Negra de São Paulo. As mulheres usuárias do aplicativo possuem medida protetiva de urgência e são escolhidas pela juíza da Vara de Violência Doméstica conforme o maior grau de vulnerabilidade a que estão expostas. O botão do pânico do app PLP 2.0 aciona a polícia militar e envia um aviso às Promotoras Legais Populares (PLPs) que vivem no mesmo bairro. As PLPs são lideranças comunitárias que participaram de cursos de formação sobre os direitos das mulheres e são capazes de compartilhar informação e apoio às vítimas de violência doméstica e sexual.

  • Design

  • Tecnologia

  • App Android

  • Desenvolvimento Web